Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2020

Desafios para uma evangelização essencial

Imagem
Por esses dias estive pensando na nossa situação atualíssima de evangelização através das mídias digitais, que se tornaram verdadeira necessidade de comunicação por causa do isolamento social durante esta pandemia do Covid-19. Basicamente, andei com o pensamento em duas situações. *** Primeiro, muitos foram obrigados a “ torcer a língua ”, pois demonizavam o uso do celular, da internet e das redes sociais e, agora, estas se tornam as ferramentas possíveis e eficazes para fazer ressoar a Palavra e celebrar a Eucaristia. Claro que ainda nos falta muito para otimizar o uso desses valiosos instrumentos de comunicação, mas passos foram dados com largueza. A superação do preconceito contra o mundo digital precisa ainda avançar. Afinal de contas, não se trata mais de falar de uma “coisa” virtual alheia à vida das pessoas, mas de uma realidade digital presente no nosso universo de vivência concreta. É verdade que o digital não é concreto, mas o psicológico e afetivo também não s

Catequese dos sinais

Imagem
Hoje compartilho com você mais uma dica de leitura. Quero falar de um pequeno livrinho que li já há algum tempo, bastante barato e acessível.  Trata-se da obra Catequese dos sinais – a fé que vem pelos olhos , da desconhecida editora Catholicus, de autoria do Pe. Zezinho, famoso cantor e compositor do mundo católico. Caso você não saiba, ele tem uma porção de livros publicados, com uma linguagem popular, voltado à evangelização dos jovens, sobretudo. O livro é bem pequeno: em menos de duzentas páginas, traz uma série de 126 pequenas parábolas, que ilustram, a partir de elementos concretos da vida e da fé, ensinamentos profundos e edificantes. A que eu mais gosto chama-se O gesto mais católico : Já fiz isso umas 300 vezes. Fiz o gesto de me ajoelhar e o de me persignar. E disse: – Não é o gesto mais cristão que existe. Nem este, nem esta. Tomei do pão e o parti e reparti, então continuei: – Este é o gesto mais cristão que existe. A missa o ensina. Aplaudiram. Haviam